.

 

 
 

SEXO NA CABEÇA

Por Daniel G. Amen

"Você está no seu carro, em um engarrafamento.  A única coisa mais lenta que o trânsito é sua percepção do tempo.   Então você a nota.

Ela surge na esquina, esperando para atravessar. Não, ela não é o amor da sua vida.  Ela está mais para o fogo do momento.  Sorte que sua mulher não está por perto.  Caso contrário, você entraria numa fria por viajar pelo quadril e pelos seios da estranha, e também pelo jeito que sua cintura se afunila acentuando ambos. O tempo ganha valor; há um zumbido prazeroso conectando suas têmporas.

Sua reação é automática e possivelmente a mais poderosa que você terá nesse dia. Temporariamente, ela destrói seus compromissos de longa data – aquele casamento de dez anos, o filho ou a filha na segunda série, a responsabilidade de olhar para frente diante de um semáforo. Você abriu mão do controle; você está cativado pelo prazer da visão.

‘Seu cachorro!’ , você sussurra, constrangido pelo que prevê, no volante do carro de família.  Mas talvez seja mais correto dizer: ‘Seu viciado em dopamina!’.  Eu, um neurocientista há 26 anos, sei que seu cérebro é o comandante central para tudo o que for sexual. 

Quando você vê o objeto do seu desejo, o neurotransmissor dopamina acende áreas profundas do cérebro, acionando sensações de prazer, motivação e recompensa. (Cocaína faz a mesma cosia) Você sente um ímpeto e o batimento cardíaco se acelera.  Atração, também, é uma droga poderosa.  O tronco do cérebro também entra em ação, liberando feniletilamina, que acelera o fluxo de informação entre as células nervosas. Não é surpresa, portanto, que seu pescoço e seus olhos acompanhem cada movimento dela.

Mas ela não está olhando de volta para você, e não é só porque você está dirigindo um carro de família com o pára-choque batido.  O cérebro feminino funciona de maneira muito diferente do seu.  Você está ligando à beleza, à forma, à fantasia e à obsessão num nível biológico que ela desconhece, ela está em busca de um parceiro que vai ser pai de crianças saudáveis, protege-las e ser o provedor. E, sim, talvez também compre um carro de família.

Os objetivos dela são programados para períodos longos; os seus são freqüentemente para prazos curtos, revelando e incluindo pensamentos de ‘pedestrianofilia”.  Ela sabe disso, razão pela qual abusa do estilo empinado: ela nunca sabe quando o parceiro adequado vai estar olhando.  Esse encontro pode deixar você tremendo de prazer, desejando mais. Mas pode também raptar e arruinar sua vida. 

E, entre os sinais de deleite e desastro dos avisos ‘Para e ‘Siga’, seu cérebro está selecionando informação, fazendo escolhas, estimulando ações.  Mas você não quer aceitar tudo isso de forma passiva, especialmente porque o ritmo da sua vida depende de suas decisões.

É aqui que eu entro.  Conheço os métodos do cérebro por trás das tentações e posso ajuda-lo a se afastar de problemas. Afinal, aquela mulher na calçada poderia ajuda-lo a perceber seu destino ou sabota-lo completamente.

Mais um motivo para você conhecer o grande órgão sexual entre suas orelhas e com ele controlar o menor, - e menos importante -, que fica entre suas pernas.

 Por que você está excitado desde a concepção (a sua)

Você foi ligado em testosterona desde o começo, quando era apenas um esboço multicelular no útero da sua mãe. O cromossomo Y, que faz de você um homem (obrigado, pai), ativa duas explosões de testosterona  que mudam seu cérebro e seu corpo.  A primeira produz um cérebro masculino: mais interessado em objetos, ações e competição.  O lóbulo da esquerda (parietal) cresce com o banho de testosterona e ajuda você a visualizar objetos em três dimensões (bom para jogar bola ou observar uma mulher na rua), e ainda aumenta sua aptidão em matemática (é assim que você calcula o tamanho do sutiã dela).  Além disso, a testosterona fortalece seu hipotálamo, área do cérebro que está interessada em sexo.  O hipotálamo do homem é duas vezes o tamanho do da mulher.

 Por que você fica ainda mais excitado no ginásio

Quando acontece a segunda explosão – na verdade, um banho – de testosterona, o que provoca um aumento de pêlos por todos os lugares, modificando sua voz de Norah Jones para de Tarcísio Meira e fazendo seu interesse pelo placar sair do literal para o metafórico. (Pegue todas!) Seu corpo agora abriga um nível de testosterona 20 vezes mais alto que o encontrado em meninas da sua idade.  Isso explica suas obsessões sexuais. Infelizmente, seu cérebro não é bem adaptado à sociabilidade, por isso ela pode inundar você com palavras, e tudo que você tem para rebate-las é o desejo silencioso (graças a Deus) de um adolescente.  Para sorte dela, você nunca vai conseguir superar isso.  A seu favor; seu cérebro esquerdo – o centro do planejamento – é sólido, o que ajuda a planejar a ponte Rio-Niterói, o lançamento de um míssil ou a eternidade de uma união feliz..

 Por que ela está encarando o dedo da aliança

Porque o dedo sabe e revela tudo. O poesquisador John Manning, da Universidade de Liverpool (Inglaterra), determinou que o tamanho do dedo da aliança de um homem (anular da mão esquerda) está relacionado com a quantidade de testosterona que ele recebeu no útero.  Isso também é verdadeiro sobre seu pênis.  Quanto mais testosterona, mais eles crescem.  É interessante ressaltar que seu símbolo digital de virilidade é também o dedo no qual ela coloca a algema dourada durante a cerimônia de casamento.

 Por que um homem tem de observar o nível de testosterona ao logo da vida

Mulheres têm mais predisposição que você (nas estruturas cerebrais e nas secreções hormonais) para se acalmar e começar uma família.  Assumir o compromisso de um vida familiar é mais fácil para homens que têm níveis baixos de testosterona.  Um estudo com mais de 4 mil homens descobriu que aqueles com níveis altos de testosterona tinham probabilidade 43% maior de se divorciar e 38% maior de ter casos extraconjugais do que os com baixos níveis do hormônio. Homens com níveis  elevados tinham também 50% menos chance de se casar.  Homens com o mínimo de testosterona eram mais sujeitos a se casar e ficar casados, talvez porque o baixo nível do hormônio os deixasse mais cooperativos. Se você for muito prestativo para benéfico próprio, ganhe músculos: isso vai aumentar as taxas de testosterona com o tempo.  Você pode até conciliar namoros com malhação.  Um estudo feito pela Universidade Baylor (EUA) descobriu que os níveis de testosterona são mais altos 48 horas após um treino de musculação.

 Por que mulheres bonitas deixam você idiota

Você age como um pateta diante de garçonetes gostosas e até deixa uma gorjeta duas vezes maior que a conta.  Mas por quê? Mulheres bonitas fazem o sistema límbico dos homens (as amígdalas e outras estruturas cerebrais, responsáveis pelas emoções) se incendiar na mesma hora que seu córtex pré-frontal sai de cena, deixando a área do julgamento vaga.  Os cassinos de Lãs Vegas contratam garçonetes lindas, colocam nelas blusas decotadas e minissaias, e as fazem servir bebidas alcoólicas de graça – tudo para encorajar o autocontrole masculino a dar uma volta bem longe dali.  Fácil imaginar por que a casa sempre leva a melhor.

 Como você pode recuperar a vantagem

Diante do dilema de uma aposta ruim numa mulher bonita, lembre-se de uma coisa importante e que raramente é colocada na balança: a beleza é passageira, mas uma decisão errada pode durar uma vida inteira.  Esse é, na realidade, um sentimento bem típico do córtex pré-frontal.

 Por que você é capturado pela pornografia, mas ela tem o poder de escolha

Homens não são vazios; o que acontece é que a parte visual do cérebro masculino é forte e tende a atrapalhar as emoções.  Com o auxílio de sofisticados equipamentos de imagem, pesquisadores da Universidade Emory 9EUA) descobriram que as amígdalas cerebrais, que controlam as emoções e a motivação, são mais ativadas em homens do que em mulheres quando eles vêem materiais sexuais por 30 minutos, mesmo quando ambos os sexos relatam ter interesse similar.  Esse pode ser um dos motivos pelos quais os homens são mais atraídos por pornografia do que as mulheres: para os homens, não é apenas pornografia, é pessoal. De volta ao mundo real, mulheres seqüestram os cérebros dos homens apelando para o poderoso senso visual deles.  Mas as mulheres podem entender o estímulo visual de um cara e pensar: ‘Sim, mas quanto vale sua conta bancária?’ Para evitar a tirania do visual, você precisa dar uma forcinha ao seu responsável córtex pré-frontal, se perguntando: ‘Qual é o meu objetivo num relacionamento?’ isso pode desviar você das visões eróticas de curto prazo.

 Como seu nariz ativa uma ereção

Existe uma conexão direta entre seu bulbo olfativo, no topo do seu nariz, e a área do septo, no centro do cérebro.  Quando as células do nariz são estimuladas, elas enviam sinais para sua libido (e para a dela) se levantar e prestar atenção.  Você quais cheiros o excitam – a evidência é óbvia.  Quanto a ela, um estudo da Universidade da Califórnia (EUA) descobriu que as mulheres se excitam quando são expostas a um químico chamado 4.16-androstadien-3-one. Sabe qual é a boa notícia? Ele surge naturalmente na pele, no cabelo e no suor dos homens.  Dica legal: leve-a a um lugar frio.  Tenha, convenientemente, uma jaqueta ou blusa para ser emprestada.  Essa peça vai estar lotada da substância.  

 Por que você (às vezes) perde a ereção (não, na verdade, isso raramente ocorre) durante o sexo

Talvez o cara lá embaixo esteja um pouco nervoso durante sua grande performance.  Essa ansiedade é provocada pelo medo de ser julgado ou de não corresponder às expectativas.  O corpo está programado para ver ansiedade como uma ameaça, e o sistema nervoso liga o mecanismo de resposta ‘resolva ou saia de cima’, liberando químicos para nos proteger: o coração acelera, os músculos se tensionam e o sangue é desviado das mãos, pés e pênis para músculos maiores dos ombros e do quadril. Esse é o processo para conseguir lugar ou fugir.  No entanto, não é uma boa estratégia na cama.

 Por que você realmente pode se viciar em amor

Assim como ocorre com o distúrbio obsessivo-compusivo, o amor diminui os níveis cerebrais de serotonina, o neurotransmissor responsável pelo humor e pela flexibilidade.  Baixa de serotonina significa que você pode apegar a idéias – você se torna obsessivo.  O que não é um grande problema, a menos que ela, de repente, largue você.  É quando o baixo estoque de serotonina o deixa vulnerável à depressão.  Em casos extremos, o déficit de serotonina pode ativar comportamentos obsessivos, como a demonstração de ciúme extremo ou até de perseguição.  Para elevar os níveis de serotonina antes de a polícia chegar, experimente se exercitar mais, comer carboidratos e distrair seus pensamentos solitários (Caia na estrada!).

 Por que tocá-la sela e fortalece a ligação de vocês

Oxitocina é o suco do amor para o seu cérebro: o hormônio da ligação e da conexão.  Quando você se sente conectado, com empatia, apaixonado, o jato de oxitocina esguicha.  Mulheres têm, naturalmente, níveis mais altos dessa substância: ela aumenta a conexão não-sexual entre a mãe o o recém-nascido, e é responsável por adormecer os bebês após as mamadas.  Apesar de homens e mulheres secretarem uma dose extra de oxitocina durante o orgasmo, nós homens temos uma explosão 500% maior – o que explica nosso talento especial para dormir imediatamente após o sexo.  Se ela reclamar que não se sente suficientemente próxima, peça sua ajuda para reequilibrar seus níveis de oxitocina."
(Mens Health, julho/2006, págs. 47-50)

'
 

 
.